|RESENHA| A GUARDIÃ - LAÍS LACET


Título Original:  A Guardiã - 
As Relíquias de Aether # 1
Autor: Laís Lacet
Editora: Lótus
Páginas: 280
Sinopse: Aether, um reino antigo, o berço da magia. Lugar que já passou por inúmeras batalhas. Porém, a maior delas permanece um mistério: a Grande Tempestade, ou na língua antiga, o Ezjah, responsável por unificar os doze reinos.
Oito anos antes, a princesa de Khaye é prometida ao poderoso rei de Fargih como parte de um acordo de paz. Alva não sabe o que lhe espera, mas suas escolhas mudarão o rumo da própria história.
No ano de 1792, após o Ezjah, Delilah recebe uma notícia trágica. Seus pais, os duques de Khaye, estão mortos. Sua vida está prestes a mudar. Os mil e oitocentos anos que a separam da princesa são uma ilusão. O destino está para se repetir; ainda que com novos personagens.
O passado não está morto, ele se enlaça com o presente, trazendo uma nova batalha.
Cada escolha é capaz de mudar o futuro. O tempo é impiedoso, porém, há quem seja ainda mais.

Resenha

Heey! Hoje a resenha é de um livro que terminei há alguns minutos e precisava fazer essa resenha imediatamente. Que. Livro. Bom. Minha gente.

Eu vou tentar o máximo não dá spoilers. Em A Guardiã, o primeiro livro de uma duologia, temos duas história que se intercalam, presente e passado. No presente, temos a Delilah, uma jovem que abandonou sua vida na nobreza e foi buscar aprender sobre magia No passado, temos o diário de uma rainha que foi obrigada a casar com um rei tirano para que não aja guerra.

E agora vejo que nem toda cicatriz é feita por uma guerra.... Algumas são fruto de batalhas em nossas vidas,  sutis e igualmente devastadoras.

Delilah é acolhida por um clã e um tempo depois ela recebe a noticia que seus pais foram assassinados e que ela deve voltar e assumir as responsabilidades, enquanto acompanhamos a triste vida da rainha Alva com um rei que a humilhar todos os dias.

E vamos acompanhando essas duas mulheres que precisam se fortes e chega um momento onde às duas histórias se unem. Eu tentava imaginar como isso aconteceria e não imaginei toda a plenitude que a autora fez.

Mudar nunca é fácil. mesmo que seja necessário e que não existia outra opção. A mudança em si exige um pouco de abandono, de desprezo; de largar o que um dia foi caro e deixar o passado ficar no lugar  que lhe apetece. Talvez, de forma dramática, mudar signifique morrer, ou se deixar morrer, para que o renascimento seja possível - em outros ares, outros lugares, outras paisagens.

É muito difícil falar desse livro, pois cada detalhe é muito importante. Tudo acaba sendo spoiler. O que me fazia querer ler mais e entender mais sobre esse livro é a escrita impecável da autora. Não conseguir achar nada de muito diferente, mas era muito gostosa de ser lida.

Eu gostei muito do desenvolvimento do livro, já tinha um tempo que eu não ficava tão envolvido com uma história e foi um dos melhores livros do ano, com certeza.  Arrependo-me de ter demorado tanto pra ler, Já tinham me falado que era bom, mas não tão bom.

É apenas no silêncio que somos capazes de ouvir as mais terríveis verdades.

Esse livro valeu muito o meu tempo. É uma história muito bem escrita e desenvolvida. Se eu tivesse que falar algo sobre ele, seriam uns pequenos erros de revisão, mas não me atrapalhou em nada.

Espero que vocês tenham a oportunidade de ler algum dia, vou deixar os links para você encontrar a autora aqui embaixo. Abraços.


|RESENHA| A GUARDIÃ - LAÍS LACET |RESENHA| A GUARDIÃ - LAÍS LACET Reviewed by Unknown on quarta-feira, julho 12, 2017 Rating: 5

8 comentários:

  1. Que delicia que você escreveu sobre o livro " a guardiã". Legal conhecer mais blogs de literatura, acabo conhecendo coisas que eu não conheceria sozinha. Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Menino, eu adorei sua resenha! Confesso que tenho um defeito fatal: julgar os livros por sua capa. Nesse quesito eu garanto que A Guardiã já conseguiu me conquistar. Não conhecia a obra nem sua autoria, mas lendo suas considerações a leitura parece ser bem atrativa. Parabéns pelo blog. Um grande abraço!

    ResponderExcluir
  3. Olá tudo bom?
    Eu fiquei muito interessada no livro, adoro esse gênero e gosto muito de ler duologias. A capa
    é muito bonita. Parabéns por sua resenha.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  4. Adorei a resenha! Universo mágico em conjunto com duas protagonistas fortes resulta em ótimo livro, na certa! Gratidão pela instigante resenha, sem spoilers! Abraços! Muita Paz!

    ResponderExcluir
  5. Fiquei bastante curiosa para conhecer mais da história, acho que curtitia bastante a leitura.
    Beijos
    Mari

    ResponderExcluir
  6. Olá, tudo bem?

    Já vi esse livro várias vezes no instagram e a capa já tinha me conquistado, pois a acho simplesmente maravilhosa, uma das mais lindas. Com a sua resenha, fui fisgada no nível máximo e estou aqui querendo ler a obra! Parabéns pela resenha!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  7. Olá!

    Muito boa a sua resenha, mas outro aspecto chamou a atenção de uma forma muito feliz: a sua necessidade de escrever a resenha logo após terminar de ler a obra. Acho esplendoroso essa sensação que gera a necessidade de escrever, e quando terminamos de escrever somos inundado por outras sensações.
    Feliz por ter lido seu post ;)
    https://refletindoweb.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  8. Eu super ouvir falar desse livro, ouvir criticas super positivas sobre ele e mas agora com a sua resenha estou muito afim de ler, mais ainda ❥
    www.levandoaseriio.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Romário Bispo